Confira os Parques Estaduais para ir de bicicleta em São Paulo

Portal Governo de São Paulo - 15/10/2017 |

Para quem gosta de pedalar tanto durante a semana como nos finais de semana na capital paulista, pode aproveitar os diversos parques que contam com ciclovias. O Parque Villa Lobos também conta com estação de reparo para as bicicletas. Confira os diversos parques para se divertir:

Parque Villa Lobos
Localizado no Alto de Pinheiros, o Parque é uma ótima opção de lazer ao ar livre. O local possui 750 mil metros quadrados de área verde e também conta com uma ciclovia de 1,5 km. Lá é possível encontrar estacionamentos e três estações de reparo para bicicletas, com jogos de ferramentas, válvulas para calibragem de pneus e suportes para manutenção das mesmas. Tanto as estações quanto os bicicletários estão disponíveis gratuitamente à população e podem ser utilizados durante todo o período de funcionamento dos parques.

Local: Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001, Alto dos Pinheiros – São Paulo
Funcionamento: De segunda a segunda das 5h30 às 19h. No horário de verão, até às 20h
(11) 2683-6302

Parque da Juventude
Localizado na zona norte da capital, mudou a paisagem da região ao substituir o Complexo Penitenciário Carandiru por uma área de lazer e entretenimento ao ar livre. Possui ampla área verde, instalações para práticas de esporte. Conta ainda com pistas de skate para street e vertical, para os que não querem ficar só na bike. Há bicicletário disponíveis em frente à entrada.

Local: Avenida Cruzeiro do Sul, 2.630,Santana – São Paulo (ao lado do metrô Carandiru)
(11) 2089-8600

Parque Ecológico do Tietê
Margeando a rodovia Ayrton Senna, o Parque Ecológico Tietê tem área de 14 milhões de metros quadrados, que vai desde a Barragem da Penha e São Miguel Paulista ao município de Guarulhos e muitas opções de lazer. Pela trilha é possível andar de bike.

Local:  Avenida. Dr. Assis Ribeiro, altura do 3.000 , Cangaiba – São Paulo
Funcionamento: diariamente das 8h às 17h.
(11) 2958-1477

Ciclovia Rio Pinheiros
Com 21,5 km, a ciclovia é uma alternativa para o deslocamento diário, proporcionando uma vida mais saudável. Funciona diariamente das 5h30 às 18h30. Além disso, os ciclistas também têm à disposição seis pontos de apoio (Av. Miguel Yunes, Vila Olímpia, Santo Amaro, Cidade Jardim, Cidade Universitária e Villa-Lobos/Jaguaré) com banheiro, bebedouro e atendimento.

Ler Mais: Portal Governo de São Paulo
Ler Mais

Novas rotas de ciclovias já estão sendo estudadas pela Prefeitura

O DIA - 15/10/2017 |

Rio - Quem usa a bicicleta como meio de transporte já pode contar com 450 km de ciclovias em todas as zonas da cidade, mas os ciclistas querem mais. E vão ganhar. A Secretaria Municipal de Conservação e Meio Ambiente (Seconserma) do Rio promete expansão, ainda neste ano, com mais 3,2 kms de ciclovias em Sepetiba e a ampliação em 3,5 kms da faixa do Recreio. O aumento da ciclovia do Centro também está sendo estudado.

Além disso, o Plano Diretor Cicloviário, que vai avaliar a atual rede de ciclovias e identificar a demanda por novas rotas, está em fase de elaboração. O documento deve ser lançado em até um ano. A proposta vai ao encontro das demandas do casal Andrei Francalacci e Alessandra Menza, moradores de Laranjeiras e ciclistas habituais.

"Tem que ter mais conversa com quem usa bicicleta. Por exemplo, às vezes estamos na ciclovia e ela acaba de repente. Elas precisam ser interligadas. E sinto falta de um mapeamento das ciclovias para ajudar no planejamento", defendeu Andrei.

Outra preocupação do casal é a questão da segurança ao pedalar. "Antigamente minha esposa insistia que eu fosse trabalhar de bicicleta, hoje insiste que eu não vá", disse Andrei. "Eu gostaria de ter uma bike mais leve, que seria mais cara, mas por medo de assaltos não tenho coragem, fico com um modelo básico. Tenho até amigos que pintam a bicicleta de laranja, para fingir que é a bicicleta alugada do Bike Rio", lamentou Alessandra.

Ler Mais: O DIA
Ler Mais

Moradores e turistas desrespeitam interdição da ciclovia da Av. Niemeyer e reclamam da demora na liberação

G1 - Bom dia Rio - 16/10/2017 |

A equipe do Bom Dia Rio encontrou muita gente passeando na ciclovia da Niemeyer, no Leblon, no fim de semana, até mesmo no trecho que foi interditado pela justiça, por medida de segurança. A prefeitura diz que as obras de reparo foram concluídas há mais de um mês, mas espera a autorização da justiça para liberar a travessia do Leblon, na Zona Sul, à Barra da Tijuca, na Zona Oeste. Turistas e moradores reclamam da demora da interdição.

A família de Santa Catarina queria aproveitar o domingo (15) na ciclovia. Esperava curtir uma das paisagens mais bonitas do Rio.

“Ah, está interditada? Não sabia. Já estive até na Barra e agora trouxe eles para conhecer. Lamentável, né? Deveriam pelo menos comunicar as pessoas”, disse Iran Alfredo Santos, funcionário público de Florianópolis.

Eles não foram muito longe. Pararam logo adiante, no sinal vermelho em frente ao Vidigal. Lá não tem barreira. Apenas a placa que proíbe circular a pé ou de bicicleta.

Ler Mais: G1
Ler Mais

Outubro Rosa: Gran Ciclismo promove pedal de conscientização contra o câncer de mama

Jornal do Brasil - 12/10/2017 |

Em celebração ao Outubro Rosa, a Gran Ciclismo realiza no próximo dia 28 uma ação de conscientização sobre a importância da prevenção contra o câncer de mama.

O 'Pedal Especial Outubro Rosa' percorrerá a Avenida das Américas e a orla da praia da Barra da Tijuca, e deve mobilizar cerca de 150 ciclistas, que receberão dicas de cuidados básicos para se prevenir contra a doença.

Para participar, basta ter uma bike de estrada e vestir, preferencialmente, uma camisa de ciclismo na cor rosa, que simboliza o movimento. Quem quiser usar o modelo da Gran Ciclismo, especialmente criado para o Outubro Rosa, poderá adquirir a camisa antes do evento por R$ 200.

Ler Mais: Jornal do Brasil
Ler Mais

Mais três etapas da ciclovia de Caravaggio, em Farroupilha, devem ser entregues até fevereiro de 2018

Gauchazh - André Fiedler - 12/10/2017 |

A ciclovia que ligará rótula onde está a imagem de Nossa Senhora de Caravaggio, às margens da RS-453, em Farroupilha, até o santuário em devoção à santa deve ter mais três etapas entregues até fevereiro de 2018. Todas já estão em fase adiantada de execução.

De acordo com o secretário de Turismo e Cultura de Farroupilha, Francis Casali, das 10 etapas previstas em todo o projeto, cinco já estão prontas ou em fase de conclusão. O último trecho a ter as obras iniciadas foi em frente ao Seminário Apostólico Nossa Senhora de Caravaggio. A construção começou em agosto e já teve 70% dos trabalhos executados. Já o trecho próximo ao Colégio São Tiago tem 15% das obras pendentes. O terceiro ponto ainda em construção fica nas proximidades do ginásio Saturno, com 95% das obras concluídas.

Ler Mais: Gauchazh
Ler Mais

ONG 'recicla' bikes usadas e doa para crianças carentes em SP

G1 - Glauco Araújo - 11/10/2017 |

Um grupo de amigos que pedala pelas ruas do ABC entregou 40 bicicletas reformadas para crianças carentes no Bairro Recreio a Borda do Campo, em Santo André, como parte da comemoração pelo Dia das Crianças. Eles receberam doações de bikes e montaram um mutirão para deixar as “magrelas” como se fossem novinhas em folha.

“É uma forma de ensinar a solidariedade, de dividir com outros”, disse Virgínia Bueno Nakovnik, presidente da ONG Doando Carinho, responsável pela ação voluntária.

Segundo ela, o grupo decidiu, no ano passado, distribuir marmitas para moradores em situação de rua. Em seguida, eles resolveram aliar o prazer em andar de bike e estimular a prática do pedal doando bicicletas para crianças carentes da região.

“A nossa primeira ação foi no Dia das Crianças do ano passado, quando entregamos 29 bicicletas no mesmo bairro em que fizemos a doação deste domingo. A segunda ação foi no Natal do ano passado, quando entregamos 52 bikes”, disse ela.

Virgínia acredita que os amigos voluntários tenham conseguido plantar a semente da solidariedade até mesmo em quem tem pouco. Ela lembrou que uma das crianças contempladas por uma bicicleta também fez uma doação para outras crianças. “Ele veio até nós e ofereceu uma bicicleta bem velhinha que ela tinha em casa, já sem condição de uso, para que a gente a arrumasse e doasse para outra pessoa.”

Ler Mais: G1
Ler Mais

Bike Vitória inaugura três estações de bicicletas para crianças

G1 - 10/10/2017 |

A primeira estação do Bike Kids, projeto similar ao Bike Vitória, mas com bicicletas menores para serem usadas por crianças, será inaugurada nesta quinta-feira (12). O dia da ação foi escolhido para comemorar o Dia das Crianças na capital. O cadastro será feito no nome dos pais ou responsáveis.

A inauguração da primeira estação será às 10h, no Núcleo de Incentivo ao Esporte e Lazer, no quiosque 2 da Praia de Camburi. Já outros dois serão inaugurados no sábado (14), na Praça dos Namorados e também em Jardim Camburi, ao lado de estações já existentes.

As bicicletas poderão ser usadas por crianças de até 1,50m e 50kg. Os bancos e guidões são regulados para possibilitar o uso de crianças de várias idades e as rodinhas são autorretrateis. O cadastro é feito pela internet ou pelo aplicativo Bike Vitória. As regras de tarifa, período de utilização e forma de retirar são as mesmas do Bike Vitória.

Ler Mais: G1
Ler Mais