Apesar da morte de ciclista, único projeto para a BR-277 é a instalação de placas

Gazeta do Povo - Raquel Derevecki - 23/10/2017 |

Ciclistas paranaenses acreditam que a instalação de placas de sinalização alertando motoristas a respeito da presença dos atletas na BR-277 pode evitar novos acidentes como o registrado no último dia 8 de outubro. Nessa data, um ciclista morreu após ser atropelado por uma motorista com sinais de embriaguez. Um ano antes - dia 8 de outubro de 2016 -, outra colisão na mesma rodovia deixou duas vítimas em estado grave e causou outra morte. Entre um acidente e outro, a única proposta para garantir mais segurança aos atletas que trafegam pelas rodovias foi apresentada pelo Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), que pretende instalar 64 placas em trechos da BR.

De acordo com o ciclista Yuri Siqueira, de 56 anos, a instalação dessas placas de sinalização focadas na segurança dos atletas é uma solicitação muito antiga. “Estou envolvido com ciclismo há 45 anos e já vi muitas promessas, mas nada foi concretizado”, lamentou. Segundo ele, o último pedido dos ciclistas foi feito à Ecovia. “Entramos em contato com eles pedindo sinalizações de atenção, de atletas em treinamento e outras opções que alertariam motoristas, mas não conseguimos nada”.

Ler Mais: Gazeta do Povo